segunda-feira, 4 de maio de 2009

Sobre humoristas, comidas e filmes

Humoristas:
Por três dias seguidos tenho sonhado com humoristas que estão (ou estavam) na mídia. Pela ordem cronológica: Marco Luque (CQC), Ítalo Rossi (Seu Ladir-Toma lá dá cá) e Marcelo Adnet (Mtv). Confesso que os sonhos estrelados por Marcelo e Marco foram bem proveitosos, e com o Seu Ladir, foi bem inusitado! A saudade que sinto da presença dele às terças-feiras não tem tamanho. Portanto, VOLTA SEU LADIR!!!
E Marco e Marcelo, beijo me liguem!

Comidas:

Resolvi fazer uma “intenção”. Fiz um pedido e em troca, deixei de comer doce e tomar refrigerante por 15 dias. Lembrando que a promessa caiu bem na semana santa, logo, sobrevivi à páscoa, ao almoço de páscoa na casa de um amigo e às barras de chocolate que habitaram a minha casa durante estas semanas. Sobrevivi também aos intervalos na faculdade e a vontade de correr até o Carrefour para comprar um biscoito recheado. Ficar sem chiclete e balas também foi complexo, mas teve lá seus lados positivos. Passei a gostar mais de suco, tanto é que passei a tomá-los diariamente. Superei as vontades de atacar as guloseimas e sempre que tinha vontade, tomava água ou mastigava um biscoito salgado, bem como Pit Stop ou Club Social. Por falar neste ultimo, gostaram da versão recheada? Ainda não experimentei o de cebola e salsa, pois não me apetece muito, mas o de queijo é gostosinho. Um pouco forte, mas gostosinho.

Filmes:
Neste final de semana assisti a dois filmes brasileiros, muito bons por sinal! 
No sábado vi “Última Parada 174”, que retrata o seqüestro de um ônibus no Rio de Janeiro, em 2000. Gostei muito. As cenas são fortes e impactantes. A historia também é bem interessante e nos faz refletir sobre aquela frase: “os fins justificam os meios?”.
No domingo, rolei de rir com “Divã”. Lília Cabral está incrível! Não só ela, mas sim todo o elenco. Cenas hilárias que fazem com que todos na platéia se identifiquem um pouco com a historia. Tem partes emocionantes também e outras dignas de chorar – de rir! 
Ansiosa já para a estréia de “Mulher Invisível”, comédia-romântica de produção brasileira. To falando! A safra do cinema brasileiro tá maaaaaaaaaaaaara!


PS: Alguém se lembra do meu siso? Pois é, a saga pode chegar ao fim. Aguardem aos próximos post! Boa semana a todos!

3 comentários:

Imilena disse...

Valeu Barbara, força ai menina, continue sua saga do NÃO aos refrigerantes e chocolates que vc não esta perdendo nada sem eles e além de tudo vai ficar uma jornalista BEM SARADA bjs e boa semana pra vc também!!!

Thalita Oliveira disse...

Tchucaaaa, eu postei um texto sobre o Filme Divã - que por sinal é MUITOOOOOOO BOM mesmo. Da uma passadinha no meu blog pra vc ver ;DD
Beijoss ;***

Lucas Peths disse...

O Divã me surpreendeu! Fui ver achando que era ruim, e, no final das contas achei legal! =DDD

O cinema brasileiro ainda tem muitos problemas, mas está caminhando, né? Outro dia vi "A Hora da Estrela", para uma matéria aqui da faculdade e... Produção, uhm... Dizendo "eufemismicamente"... Complexa. HAEHU...

Só espero que abram espaço para novos atores e atrizes! Cansei de ver o pessoal da Globo no cinema. ;P

Ah, e ainda quero ver o "Última parada 174".

Beijão, Babih! ;*