sexta-feira, 2 de maio de 2008

Quando a prática não leva à perfeição

Muitos falam que a prática leva à perfeição, mas no meu caso a tal prática resulta em erros grotescos que, por falta de atenção, são destinados a crises de risos pelos colegas de sala. Pois bem, a pérola de hoje é...

... o verbo “manteu”.

Estava na aula de ciberjornalismo, ou seja, uma disciplina que aborda toda a temática de blogs na internet, principalmente sobre o uso dos mesmos na cobertura de fatos jornalísticos. Trocando em miúdos, a matéria trata de instruir os futuros jornalistas a escrever matérias informativas publicá-las na web (ou ciberespaço, como queiram). Além de dicas de formatação e montagem de blogs.

Pois bem. Lá estava eu produzindo meu texto (detalhe que eu levo cerca de 20 minutos para me concentrar diante da tela do computador para ver se sai alguma coisa, isso é fato, logo está explicado a falta de periodicidade das postagens no blog, mas enfim), que era baseado em informações publicadas na Folha de São Paulo, sobre o caso da Austríaca que foi mantida prisioneira no porão da casa do pai por 24 anos. Eu realmente detesto escrever sobre um determinado assunto no qual eu não tenho domínio, mais um agravante no meu tempo de concentração.

Logo quando começou a sair alguma coisa eu pensei logo no título, que foi:

“Pai MANTEU filha aprisionada por 24 anos”

O Word marcou o verbo “MANTEU”, eu cliquei nas sugestões gramaticais e nenhuma alternativa. Fiquei encucada com aquilo, possessa até. Não satisfeita em somente xingar o Word, resolvi perguntar o professor se estava certo o verbo “MANTEU”, nisso, uma amiga minha me corrigiu dizendo: “Bárbara é MANTEVE”, e completou: “você não falou isso não...”

Sim, foi o motivo da noite e meu professor ainda indagou: “Olha a qualidade textual que o professor está sujeito a ler!”.

Logo podemos concluir que quanto mais você pratica, mais sujeitos à imperfeição você estará.

4 comentários:

Dan disse...

Meninaa amiga...
vc "manteu" seu blog atualizado?
Só quem conhece essa peça pessoalmente sabe que ela escreve "craze".... beijs carapintada... adoro sempre te confundir!

Lucas Peths disse...

Ah, Bárbara. Mas foi o pai que MANTEU! A culpa é dele. Toda dele.


Beijão!

Xênia disse...

MANTEUUUUUUUUUU

aff
uauauhauhauhuhauauha
êba

assim q a gte conhece as pessoas
péééééérola!!!

Fellipe disse...

Essa foi d+++++++++ !!!huahuahuahuahua !!!
Depois dessa pérola, vc "MANTEU" a galera rindo por muuuuito tempo de vc. kkkkkkkkkkkkkk !!!

Bjão !!!